JavaScript: O que você precisa saber antes de começar a programar

Ofertas Relâmpago da Shopee

Dispositivo de Proteção Elétrica EPS 301 Preto Intelbras
Dispositivo de Proteção Elétrica EPS 301 Preto Intelbras
R$44,89
Jogo de Cozinha Kit C/12 Peças de Silicone
Jogo de Cozinha Kit C/12 Peças de Silicone, Utensílios e Copo Suporte para Cozinha Cabo de Madeira Yihan
R$50,80
Gaabor Panela de Pressão Elétrica 6L
Gaabor Panela de Pressão Elétrica 6L
R$399,90
Cesto de Silicone Redondo Air Fryer
Cesto de Silicone Redondo Air Fryer e Forno Forma para Fritadeira Elétrica com Alça
R$10,00

JavaScript é uma linguagem de programação de alto nível e interpretada, foi criada em 1995 por Brendan Eich para ser utilizada pelo Netscape. Embora frequentemente confundida com a linguagem Java, é importante destacar que são duas linguagens distintas. É conhecida oficialmente como ECMAScript e suporta diferentes estilos de programação por ser multiparadigma. Como resultado, essa linguagem de programação tornou-se uma das mais populares e amplamente utilizadas para desenvolvimento web e aplicações móveis.

JavaScript: O que você precisa saber

Hoje em dia, o JavaScript é a principal linguagem de programação usada pelos navegadores web juntamente com com o HTML e o CSS, formando as três principais tecnologias da web. Além disso, ela também pode ser usada fora dos navegadores através de runtimes como o Node.js. Na minha opinião, o JavaScript é uma das melhores linguagens para começar na programação atualmente, já que ela é versátil e tem uma grande comunidade de desenvolvedores ativos. Se você deseja aprender programação web, é essencial ter um bom entendimento dessa linguagem.

Aplicações que podem ser realizadas com JavaScript

É possível criar diversas aplicações, desde sites dinâmicos e interativos, como por exemplo, formulários de contato e galerias de fotos, até jogos simples e extensões de navegador.

Desenvolvedores podem criar aplicações altamente escaláveis e de alto desempenho com a finalidade de usar em frameworks de desenvolvimento web, como o React e o Angular. Assim também, outras aplicações importantes incluem a criação de chatbots, automação de tarefas repetitivas e desenvolvimento de aplicações de inteligência artificial e machine learning.

Leia Também: Desenvolvedor Full Stack: O mais valorizado no mercado de Tecnologia

Tipos de dados

Assim como em outras linguagens de programação, os dados podem ser representados em diferentes formas. Existem os tipos primitivos, que são aqueles que não são objetos e não possuem métodos próprios, e também existem objetos e funções.

Os tipos primitivos do JavaScript são:

  • number: utilizado para representar números, tanto inteiros quanto decimais. Recentemente, adicionaram o tipo bigint ao JavaScript, que os desenvolvedores utilizam para representar números inteiros muito grandes.
  • string: utilizado para representar cadeias de caracteres, como palavras e frases.
  • boolean: utilizado para representar valores lógicos, como verdadeiro ou falso.
  • null e undefined: representam a ausência de valor. Os desenvolvedores utilizam o null para definir explicitamente uma variável como vazia, enquanto o undefined é empregado quando a variável ainda não foi definida ou quando uma propriedade de um objeto não existe.

Além dos tipos primitivos, o JavaScript também possui objetos e funções, que são tipos mais complexos e que possuem métodos próprios. Podemos usar objetos para representar entidades e conceitos mais complexos, como um usuário em um sistema ou uma transação financeira. As funções executam tarefas específicas e os desenvolvedores podem usá-las para criar e manipular objetos em JavaScript.

Variáveis

São um conceito fundamental em qualquer linguagem de programação. Elas servem para armazenar os dados para que possamos usá-los no nosso código. No JavaScript, podemos criar variáveis utilizando as palavras reservadas var, let e const.

  • var: foi a primeira palavra reservada utilizada para criar variáveis no JavaScript. No entanto, seu uso está caindo em desuso, pois ela possui escopo global ou de função, o que pode levar a problemas de colisão de nomes e dificuldades para manter o código organizado.
  • let: é a mais comum utilizada para criar variáveis no JavaScript atualmente. Como o escopo de bloco é presente em JavaScript, o que significa que a variável só é acessível dentro do bloco onde ela foi definida.
  • const: Os valores atribuídos a ela não podem ser alterados depois de definidos, tornando-a ideal para definir constantes

Ao criar variáveis, é importante seguir boas práticas para nomeá-las. Algumas dicas incluem:

  • Utilizar nomes significativos que descrevam o propósito da variável.
  • Utilizar nomes em camelCase (primeira palavra em minúscula e as demais em maiúsculas), que é uma convenção de nomenclatura comum no JavaScript.
  • Evitar nomes muito genéricos, como “dados” ou “valor”, que não transmitem informações úteis sobre o propósito da variável.
  • Seguir as convenções de casos (ou “cases”) utilizadas na linguagem. No JavaScript, é comum utilizar camelCase para variáveis e PascalCase (todas as palavras em maiúsculas, sem espaços) para nomes de classes e objetos.

Em síntese, as variáveis são essenciais em qualquer programa JavaScript. Podemos criar variáveis utilizando as palavras reservadas var, let e const e é importante seguir boas práticas para nomeá-las, utilizando nomes significativos e seguindo as convenções de nomenclatura da linguagem.

Leia Também: Por que se tornar um Programador Python?

Operadores e expressões

Operadores e expressões são fundamentais em qualquer linguagem de programação, e o JavaScript não é exceção. Os operadores são símbolos que representam operações matemáticas, lógicas e outras operações em valores.

Existem vários tipos de operadores em JavaScript:

  • Operadores aritméticos: usados para realizar operações matemáticas (+, -, *, /, %, **).
  • Operadores de agrupamento: usados para alterar a ordem de avaliação de uma expressão (parênteses).
  • Operadores de atribuição: usados para atribuir valores a variáveis (=, +=, -=, *=, /=, %=, **=).
  • Operadores de encadeamento: usados para acessar propriedades e métodos de objetos em cadeia.
  • Operadores de incremento e decremento: usados para aumentar ou diminuir o valor de uma variável em uma unidade (++, –).
  • Operador de concatenação de strings: usado para unir duas ou mais strings em uma única string.

Além dos operadores, temos as expressões, que são combinações de valores, variáveis e operadores que produzem dessa forma um resultado. Por exemplo:

  • 2 + 3 é uma expressão aritmética que produz o resultado 5.
  • x = 10 é uma expressão de atribuição que atribui o valor 10 à variável x.
  • idade >= 18 && idade <= 60 é uma expressão lógica que verifica se a idade está entre 18 e 60 anos.

É possível usar expressões em vários contextos, como condições em estruturas de controle de fluxo (como if e while), argumentos de funções e muito mais.

Em suma, os operadores e expressões são elementos fundamentais da linguagem JavaScript. Os operadores permitem realizar operações matemáticas, lógicas e outras operações em valores, enquanto as expressões são combinações de valores, variáveis e operadores que produzem um resultado. Os diferentes tipos de operadores e como utilizá-los em expressões são fundamentais para a criação de programas em JavaScript.

Cursos e Livros indicados:
Essa linguagem é para você?

Por fim, neste artigo, falamos sobre o Javascript, sua origem, nome oficial e principais características. Além disso, vimos as aplicações que podem ser realizadas com Javascript, como a criação de páginas interativas e desenvolvimento de aplicativos. Discutimos os tipos de dados em Javascript, como números, strings, booleanos, objetos e funções, e também sobre variáveis e como nomeá-las de forma significativa.

Falamos sobre os operadores em Javascript, incluindo os aritméticos, de agrupamento, atribuição, encadeamento e os operadores de incremento e decremento, bem como a concatenação de strings.

Por fim, é importante destacar que aprender Javascript é fundamental para quem deseja trabalhar com desenvolvimento web e criar aplicações interativas. Assim também, ela é uma das linguagens de programação mais populares e amplamente utilizadas em todo o mundo, tornando-se uma habilidade valiosa para profissionais de TI e desenvolvedores. Com o crescente uso de tecnologias baseadas em Javascript, como Node.js e React, o aprendizado desta linguagem só se torna ainda mais importante para o mercado de trabalho atual.

Deixe seu Comentário!